quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Oito linhas sofrem alterações e usuários terão que fazer integração nas estações de BRT da Av. Caxangá

Quatro das oito linhas sofrerão as alterações no próximo sábado (4)

01/02/2017 - Jornal do Comércio


As mudanças foram anunciadas na manhã desta quarta-feira, na sede do Grande Recife / JC Imagem
As mudanças foram anunciadas na manhã desta quarta-feira, na sede do Grande Recife / JC Imagem

*Com informações dos repórteres Rafael Carneiro, da Rádio Jornal, e Roberta Soares, do Jornal do Commercio

Oito linhas que circulam na Avenida Caxangá, na Zona Oeste do Recife, terão suas operações alteradas para integrarem com o Sistema Estrutural Integrado (SEI). Com isto, os passageiros destas linhas que estiverem indo para o Centro do Recife terão que desembarcar na Avenida Caxangá e, em no máximo duas horas, entrar em uma estação de BRT do Corredor Leste-Oeste. A mudança foi anunciada na manhã desta quarta-feira (1º), em coletiva de imprensa, na sede do Grande Recife Consórcio de Transporte, no bairro de Santo Antônio, área Central do Recife.

As alterações, que só valem para quem utilizar o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM), entram em vigor no próximo sábado (4), para as linhas 413 - Avenida do Forte, 415 - Sítio das Palmeiras, 423 - Engenho do Meio e 433 - Brasilit. Os passageiros terão duas horas para fazer a integração temporal, contadas a partir do momento em que o usuário embarcar em uma das quatro linhas. Para as linhas 416 - Roda de Fogo, 421 - Torrões, 422 - Monsenhor Fabrício e 425 - Barbalho (Detran), a mudança passará a valer no sábado (11). 

Para atender à demanda dos passageiros que seguem da Caxangá em direção ao Centro do Recife, foram criadas três linhas, sendo uma convencional. São elas: 2439 - Avenida Caxangá (BR-101)/Centro, 2441 - Avenida Caxangá/Centro e 2443 - Avenida Caxangá/Derby, sendo as duas últimas de BRT. É importante lembrar que a integração temporal é válida em qualquer estação de BRT da Caxangá, mas tem como referência a BR-101, Caiara, Parque do Cordeiro e Getúlio Vargas.

Para Alfredo Bandeira, diretor de Planejamento do Grande Recife, a mudança trará benefícios para o trânsito e para o meio ambiente. "Estamos tirando 36 veículos da Avenida Conde da Boa Vista. Há um ganho de tempo, de trânsito para o meio ambiente. Esta alteração afeta 27 mil passageiros por dia", explicou. Segundo Grande Recife, a integração temporal na Caxangá irá retirar 40 coletivos do Centro do Recife e 36 da própria Caxangá.

Integração temporal

A integração temporal permite que o usuário utilize mais de uma linha pagando apenas uma passagem, no período de até duas horas. Atualmente, 64 linhas fazem parte do sistema na Região Metropolitana do Recife (RMR).  

Ligação entre os corredores Norte-Sul e Leste-Oeste

Passageiros do Corredor Leste-Oeste que desejarem integrar com o Corredor Norte-Sul podem fazer uso da linha de BRT 2441 - Avenida Caxangá (BR-101)/Centro e integrar através das estações Maurício de Nassau, Istmo do Recife e Forte do Brum, esta última, em frente à Prefeitura do Recife. Para se deslocar até as Avenidas Conde da Boa Vista e Guararapes, o usuário poderá fazer a integração temporal com a 2438 - TI Caxangá (Centro) ou com a linha 2439 - Avenida Caxangá (BR-101)/Centro, ambas convencionais.

Usuários que estejam na Praça do Derby e queiram ficar mais perto da Avenida Conde da Boa Vista podem fazer a integração temporal com as linhas 100 - Circular (Conde da Boa Vista/Prefeitura) e 101 - Circular (Conde da Boa Vista/Rua do Sol).

Uso do VEM

De acordo com o Grande Recife, dois mil cartões VEM foram entregues a líderes comunitários de Engenho do Meio, Brasilit, Sítio das Palmeiras, Cordeiro, Roda de Fogo, Torrões, Iputinga e Detran. Os cartões serão distribuídos gratuitamente à população. O usuário que ainda não tiver o VEM, quando embarcar em uma das oito linhas, poderá pegar com o cobrador um ticket que dará direito ao recebimento do cartão com o líder comunitário. Outra opção é adquirir o cartão VEM nas máquinas de autoatendimento das estações de BRT e na sede do VEM, na Rua da Soledade, no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife.

Saiba mais detalhes sobre cada uma das linhas abaixo:

Dia 4:

413 – Avenida do Forte

A linha passa ser a 2413 – Avenida do Forte/EBRT Getúlio Vargas e terá parada próxima à estação de BRT Getúlio Vargas, na Rua Elizeu Cavalcante, no lado oposto ao número 513, e na Avenida General San Martin, próximo ao Hospital Getúlio Vargas.

415 – Sítio das Palmeiras

A linha passa ser a 2415 – Sítio das Palmeiras/EBRT Getúlio Vargas e terá parada próxima à estação de BRT Getúlio Vargas, na Rua Elizeu Cavalcante, no lado oposto ao número 513, e na Avenida General San Martin, próximo ao Hospital Getúlio Vargas.

423 – Engenho do Meio

A linha passa ser a 2423 – Engenho do Meio/EBRT Caiara e terá parada próxima à estação de BRT Caiara, na Avenida Caxangá, em frente à Igreja Assembleia de Deus.

433 – Brasilit

A linha passa ser a 2433 – Brasilit/EBRT BR-101 e terá parada próxima à estação de BRT BR-101, na Avenida Caxangá, junto ao viaduto da BR-101.

Dia 11:

416 – Roda de Fogo

A linha passa ser a 2416 – Roda de Fogo/EBRT Parque do Cordeiro e terá parada próxima à estação de BRT Parque do Cordeiro, na Avenida Caxangá.

421 – Torrões

A linha passa ser a chamar 2421 – Torrões/EBRT Parque do Cordeiro e terá parada próxima à estação de BRT Parque do Cordeiro, na Avenida Caxangá.

422 – Monsenhor Fabrício

A linha passa ser a 2422 – Monsenhor Fabrício/EBRT Caiara e terá parada próxima à estação de BRT Caiara, na Avenida Caxangá.

425 – Barbalho (Detran)

A linha passa ser a 2425 – Barbalho (Detran)/EBRT BR-101 e terá parada próxima à estação de BRT BR-101, na Avenida Luís de Lacerda. A linha continuará a atender a Avenida Maurício de Nassau em algumas das viagens.

Veja o itinerário das novas linhas:

2439 – Av. Caxangá (BR-101)/Centro – convencional

Terminal/ponto de retorno: Av. Historiador J. Emerenciano, R. Ministro João Alberto, Av. Caxangá, R. Benfica, Ponte Estácio Coimbra, R. Dr. Severino Pinheiro, Praça do Derby, Av. Gov. C. de Lima Cavalcanti, Av. Cde. da Boa Vista, Ponte Duarte Coelho, Avenida Guararapes, Av. Dantas Barreto, Av. N. Sra. do Carmo, Av. Martins de Barros, Rua 1º de Março, Av. Guararapes

Ponto de retorno/terminal: Av. Guararapes, Av. Cde. da Boa Vista, Av. Gov. C. de Lima Cavalcanti, Praça do Derby, Rua Dr. Severino Pinheiro, Ponte Estácio Coimbra, Rua Benfica, Avenida Caxangá, Avenida Luís de Lacerda, Av. Historiador J. Emerenciano.

2441 – Av. Caxangá (BR-101)/Centro – BRT

Terminal/ponto de retorno: Av. Historiador J. Emerenciano, R. Ministro João Alberto, Av. Caxangá, R. Benfica, Ponte Estácio Coimbra, R. Dr. Severino Pinheiro, Praça do Derby, Av. Gov. C. de Lima Cavalcanti, Av. Conde da Boa Vista, Ponte Duarte Coelho, Avenida Guararapes, Avenida Dantas Barreto, Avenida Nossa Senhora do Carmo, Avenida Martins de Barros, Rua 1º de Março, Av. Guararapes

Ponto de retorno/terminal: Av. Guararapes, Av. Conde da Boa Vista, Av. Gov. C. de L. Cavalcanti, Praça do Derby, Rua Dr. Severino Pinheiro, Ponte Estácio Coimbra, Rua Benfica, Avenida Caxangá, Avenida Luís de Lacerda, Av. Historiador J. Emerenciano.

2443 – Av. Caxangá (BR-101)/Derby – BRT

Terminal/ponto de retorno: Av. Historiador J. Emerenciano, R. Ministro João Alberto, Av. Caxangá, R. Benfica, Ponte Estácio Coimbra, R. Dr. Severino Pinheiro, Praça do Derby

Ponto de retorno/terminal: Praça do Derby, Av. Gov. Agamenon Magalhães (pista local), Rua Amauri de Medeiros, Rua Jenner de Sousa, Rua Dr. Severino Pinheiro, Ponte Estácio Coimbra, Rua Benfica, Avenida Caxangá, Avenida Luís de Lacerda, Av. Historiador J. Emerenciano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário