segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Novo sistema de transporte não começou a funcionar em Teresina

18/01/2015 - Diário do Povo do Piauí

Ao contrário do que foi anunciado na ultima sexta-feira (16), o novo sistema de transporte público da capital não começou a funcionar efetivamente neste sábado. De acordo com a nova proposta, os passageiros contarão com sete terminais espalhados pela cidade para o embarque e desembarque no sistema de integração, que agora conta com 100% da frota incluída na modalidade.

Porém, esses pontos, que primeiramente funcionarão em caráter provisório, ainda não estão prontos e a população ainda não pode utilizar este serviço. O terminal do Parque Piauí, zona Sul da cidade, encontra-se em fase de construção e segundo o gerente de fiscalização e controle da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans), Vinícius Rufino, na quarta-feira (21) começa a funcionar em caráter experimental com duas linhas demonstrativas, ainda não divulgadas.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Francisco das Chagas Oliveira, afirma que o projeto é uma ótima iniciativa para a melhoria do sistema de transporte público, mas que muito ainda precisa ser feito, como por exemplo, finalizar o quanto antes as construções dos terminais. "Anunciaram que começaria neste sábado, mas isso não é verdade, os terminais nem estão prontos e boa parte da população ainda não tem informação sobre as mudanças no sistema, sem contar que só incluir 60 ônibus é muito pouco para a demanda do trânsito da capital",reitera.

O superintendente de transportes ressalta que o sistema de integração ainda está funcionando nos moldes atuais, porém com a ampliação gradativa para o novo modelo. "Nós não podemos mudar um sistema do dia para a noite, pois a população precisa de um tempo para se adaptar ao modelo que será implantado, enquanto isso a integração continua funcionando normalmente só que agora com a frota ampliada, praticamente 100% dos ônibus estão incluídos, o que é um grande avanço para o sistema de transporte público da capital", explica.

Ao todo serão sete terminais a serem construídos no prazo de oito meses, nos bairros do Parque Piauí, Bela Vista, Dirceu, Satélite, Santa Isabel, Rui Barbosa e Buenos Aires, e até agora nenhum deles foi finalizado. Além disso, a população se queixa da falta de informação por parte da prefeitura sobre o novo sistema. A dona de casa Márcia Santos disse não saber ainda sobre as principais mudanças que o novo sistema oferece. "Eu ainda não vi nenhuma informação sobre a nova integração, só vejo a reforma aqui no ponto de ônibus, mas nada de informação, sobre o que a população deve fazer e o que de fato vai mudar na prática", afirma.

Sobre isso, o gerente informa que já foram solicitados à Secretaria de Comunicação do município (Semcom) os materiais para a divulgação do novo sistema, como panfletos informativos e divulgação na mídia, como a dificuldade com transportes também dificultam a diminuição dos preços.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário