quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Grande Recife: Nova BR-101 terá corredores para ônibus e ciclovia

31/10/2013 - Jornal do Commercio - Recife

Requalificação de 30 quilômetros da rodovia, construção de 110 quilômetros de corredores exclusivos para ônibus que circulam no Grande Recife e ciclovia em todo o seu percurso. Estas são as iniciativas para a BR-101, com recursos na ordem de R$ 806 milhões. A autorização para o início das obras foi assinada pelo governador Eduardo Campos na tarde desta quarta (30), no Centro de Convenções de Pernambuco, sede provisória do Governo do Estado. As obras devem começar em janeiro e o prazo para conclusão é de dois anos.

O próximo passo será o início do processo de licitação para a contratação da empresa que realizará os serviços de recuperação do pavimento e do corredor exclusivo de ônibus.

As intervenções serão coordenadas pela Secretaria das Cidades. Segundo o titular da pasta, Danilo Cabral, as obras passarão por quatro etapas. A primeira já está concluída: autorização das obras. Em janeiro, será iniciada a construção de viadutos, pontes, elevados e passarelas do trecho que vai de Abreu e Lima até à Macaxeira. Em fevereiro, as obras vão do Barro até o terminal de Cajueiro Seco. Já em março, deve começar a última etapa: da Macaxeira até o terminal do Barro.

Para requalificação do trecho da área urbana da BR-101, que inclui os municípios de Abreu e Lima, Paulista, Recife e Jaboatão dos Guararapes, serão investidos R$ 216 milhões. A rodovia tem tráfego médio de 50 mil veículos por dia, sendo 20% de caminhões.

CORREDORES - O sistema será construído no canteiro central da rodovia e vai reproduzir os moldes do Transporte Rápido por Ônibus (TRO) (também conhecido na sigla em inglês BRT - Bus Rapid Transit), que é o mesmo sistema a ser implantado no corredor Norte/Sul e Leste/Oeste, onde as tarifas são pagas nas estações, antes do embarque, e conta com os ônibus equipados com ar-condicionado, sistema de segurança por registro de imagens, contagem eletrônica de passageiros e GPS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário