segunda-feira, 11 de março de 2013

Prefeitura anuncia Bilhete Único no dia 15 em Fortaleza

10/03/2013 - Diário do Nordeste

A partir do dia 15 de junho, os usuários de ônibus de Fortaleza poderão começar a utilizar o bilhete único. Com a novidade, eles vão percorrer qualquer direção da cidade pagando apenas uma tarifa durante duas horas, por dia. A data foi anunciada, no último sábado (9), em reunião do prefeito Roberto Cláudio com todos os titulares das secretarias e regionais do município, no Paço Municipal, no Centro.

Durante todo o encontro cada gestor teve cerca de 10 minutos para apresentar as suas propostas que serão prioridades para serem implantadas neste semestre. O evento teve início às 9h30 e chegou ao fim às 21h30.

De acordo com o titular da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, João Pupo, no dia 15 de junho será o início da primeira fase da implementação do bilhete único. A expectativa é de que, pouco tempo depois, os passageiros das vans também possam utilizar esse beneficio, mas ele preferiu ainda não confirmar uma data.

"O que está demorando para iniciarmos a implantação do bilhete único é a concepção que será utilizada nos ônibus. Após chegarmos a um resultado em relação a isso, vamos passar a ideia para as vans", explicou o secretário.

Além disso, ele acrescentou que a terceira fase do projeto consiste em implantar o passe também no Metrô de Fortaleza (Metrofor) e no Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

O objetivo, ressaltou o gestor, é que os usuários do transporte público de Fortaleza possam ter duas horas para viajar em qualquer sentido sem ter que pagar outra passagem. "No dia em que um universitário tiver apenas uma aula, ele poderá ir e voltar pagando uma passagem".

Para que o passe possa ser introduzido no dia a dia sem problemas, Pupo explicou que vem realizando reuniões com as empresas donas dos ônibus que circulam pela Capital.

Segundo o titular da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, os empresários pediram que cada bilhete seja personalizado, pois eles temem que, se esse tipo de personalização não existir, sejam encontradas fraudes no sistema.

"Em São Paulo, por exemplo, a Prefeitura gasta R$ 1 bilhão devido às fraudes no bilhete único. Estamos trabalhando para encontrar a solução para não termos esse tipo de problema aqui em Fortaleza, pois, se isso acontecer, quem vai acabar pagando é a população", comentou.

Ele concluiu dizendo que a novidade será implantada no serviço de transporte metropolitano da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) somente em outro momento. Pois isso terá que ser acordado com os responsáveis pelas linhas que fazem trajetos em outras cidades.

Durante a reunião do prefeito com os secretários de todo o município, a titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Socorro Martins, garantiu a construção de 25 unidades de saúde e a reforma e ampliação de outras 58. Dessas construções, 22 serão realizadas com investimento de R$ 9,3 milhões do Ministério da Saúde (MS).

"Tudo que formos fazer teremos a parceria do Ministério da Saúde. Por isso, a expectativa é de iniciar as licitações e ter a conclusão já no fim do ano", disse Socorro Martins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário