segunda-feira, 29 de agosto de 2011

SEGUNDA-FEIRA, 29 DE AGOSTO DE 2011

PB: Sistema numérico de identificação dos ônibus urbanos de João Pessoa
Postado por Fortalbus às 01:02
Milhões de passageiros utilizam por mês o serviço dos ônibus urbanos em João Pessoa conforme informações da STTrans. Diariamente, este contingente corresponde a, uma média, de 270 mil usuários/dia que, em sua maioria, desconhecem o modo de organização deste sistema que promove a acessibilidade da população aos mais diferentes pontos da capital paraibana. A codificação das linhas de ônibus, através do uso de números, por exemplo, é um detalhe que faz a maior diferença no deslocamento diário dos passageiros.

A representação numérica das rotas pelas quais circulam os ônibus urbanos em João Pessoa é uma convenção adotada há mais de 20 anos, quando o sistema atual foi planejado e está relacionada aos sete principais corredores da cidade. Estes itinerários estão identificados pela seguinte numeração:

O Primeiro digito da Linha indica a avenida ou região que ela opera:

Cod: 0 – Roger e Jaguaribe(Linhas próximo ao Centro)
Cod: 1 – Av. Cruz das Armas
Cod: 2 – Av. 02 de Fevereiro(Cristo-Rangel)
Cod: 3 – Av. PedroII
Cod: 4 – Av. Beira Rio
Cod: 5 – Av. Epitácio Pessoa
Cod: 6 – Av. Tancredo Neves
Cod: 7 – Acesso Oeste (Alto do Mateus)

Assim, é através da combinação destes algarismos que se obtém a identificação dos trajetos, além da indicação das denominações nos letreiros frontais do ônibus. “Conhecendo o sistema, fica fácil para o passageiro tomar a condução de um modo adequado. O importante para ele é estar atento aos dois primeiros números do código. Por exemplo: se ele souber que “1” equivale ao corredor de Cruz das Armas e “5” à avenida Epitácio Pessoa, ele vai ter menos chances de errar ao pegar a linha Circular “1500”, principal linha circular da cidade.


As linhas radiais estão representadas por três números e, geralmente, só passam por um corredor. Por exemplo: na linha 510-Tambaú, o uso do algarismo “5” no início do código quer dizer que o veículo passa pelo corredor “Epitácio Pessoa”, o mais movimentado da cidade com 35 linhas em trechos diferentes, circulando diariamente. Já as linhas circulares são identificadas por quatro números e atendem a diversos corredores. O percurso mais longo é feito pelos ônibus circulares 1500 e 5100, que percorrem, em média, 50 km, numa viagem que dura, em média, 110 minutos.

Atualmente, o sistema de transporte pessoense conta com uma frota de 517 ônibus, sendo que 486 ônibus ficam em operação. Os 31 veículos restantes ficam nas garagens como reserva técnica, das seis empresas concessionárias: Transnacional, Reunidas, São Jorge, Santa Maria, Mandacaruense e Marcos da Silva.

Com a criação do Terminal de Integração, a locomoção dos pessoenses foi facilitada, ainda mais, já que 60 linhas de localidades diversas trafegam todos os dias pelo local, beneficiando quem tem que ir a pontos distantes com a utilização de mais de um ônibus, com o pagamento de apenas uma passagem. A integração metropolitana, implantada em 2009, e a temporal, que está disponível desde 2008, melhoraram ainda mais a locomoção das pessoas que utilizam os ônibus urbanos em seus deslocamentos diários.

Fonte: News Comunicação


Nenhum comentário:

Postar um comentário